25.7.09

POR QUE OS INDIANOS ACHAM QUE AS VIÚVAS NÃO DEVEM SE CASAR NOVAMENTE


Por que os indianos acham que as viúvas não devem se casar novamente

A Índia foi invadida diversas vezes por mongóis, mulçumanos, portugueses, franceses e ingleses. Em diversas épocas, quando os homens morriam os invasores ficavam com as viúvas , o que feria a honra dos hindus. Baseado nas leis de Manu, quando as viúvas não tinham filhos maiores que as protegiam, elas praticavam a “Sati” que é entrar na pira mortuária do marido para não cair nas mãos dos inimigos. Mas essa prática está proibida por lei desde o século XIX, ainda na dominação inglesa.
A lei de Manu também diz que, mesmo depois de o marido morrer, a viúva ainda é parte dele e não deve se casar de novo. Existem também na Índia os viuvários onde as viúvas que não tem como se sustentarem vivem em espécies de asilos custeados pelo governo. Somente de um tempo para cá as viúvas começaram a se casar de novo, mas isso ainda é muito difícil, somente quando elas se enviúvam muito novas. As mais velhas preferem permanecer sem marido, cuidando da família e protegida por ela.
Hoje na Índia as viúvas exercem muito poder perante a família quando não se casam de novo. A presidente da Índia, Pratibha Patil, é uma viúva e a presidente do maior partido político indiano, o partido do congresso, Sonia Gandhi, é uma firanghi estrangeira e viúva do Rajiv Gandhi.
Globo.com